62 dias após o 1° caso suspeito para COVID-19, pode se observar que a incidência da doença aumentou mantendo uma evolução linear.

Abaixo segue o Gráfico 01 dos casos suspeitos, notificados no atendimento ambulatorial. Levando em conta que estamos nos aproximando da metade do mês de maio/2020, os números apontam para um patamar semelhante ao mês de abril/2020. A incidência para o mês em curso está quase na metade de todo o mês de passado.

Gráfico 01

A seguir, o Gráfico 02 apresenta os casos em que houve internamento por suspeita do COVID-19. Como se pode perceber, atualmente existem 2 casos em situação de internamento: 1 confirmado e 1 suspeito.

Gráfico 02